CORRA MAIS RÁPIDO E COM MENOS IMPACTO

postado em: Corrida de Rua | 0

Você sabia que correr descalço ou com sandálias baixas, como os nativos mexicanos, pisando com o meio dos pés diminui consideravelmente o impacto e o risco de lesões?

Pesquisas apontam que a passada realizada com o meio e a parte da frente do pé́ faz com que o tempo de contato com o solo seja menor. De fato, quanto menor o tempo de contato com o piso, mais eficiente e rápida será́ a corrida. Veja as dicas do TicketRun Blog e adapte sua pisada a essa técnica!

 

Correr descalço?

É preciso aprender a aterrissar com o meio dos pés, e a melhor tática neste caso é correr descalço. Isso porque a falta de amortecimento o obrigará a correr corretamente, evitando o impacto excessivo nos calcanhares. Mas é importante ter algumas precauções:

  • Comece aos poucos. Ao final de cada treino, corra de 200 a 400 metros na grama;
  • Aumente gradualmente até alcançar 1 km. Assim você fortalecerá as solas dos seus pés, tornando-os aptos a suportar distâncias mais longas;
  • Caso seus pés sejam muito sensíveis, faça a adaptação usando os chamados “tênis minimalistas”, modelos com pouco amortecimento, solado flexível e desnível entre o calcanhar e os dedos (drop) menor que 4 mm.

 

Corrija sua postura e encurte as passadas

 

  • Manter o tronco ereto, levemente inclinado para a frente, e o quadril alto e estável é uma maneira de adequar a sua postura a essa técnica. Correr como se estivesse “sentado” (o que é bastante comum depois de pedalar) induz o runner a aterrissar com o pé muito à frente do corpo e, consequentemente, a pisar com o calcanhar;

 

  • Ao encurtar suas passadas você aumentará a cadência da corrida e também tornará mais fácil a manutenção da postura adequada, principalmente quando já estiver com as pernas fadigadas;

 

  • Quem já pisa com os calcanhares costuma realizar em torno de 60 ciclos de passadas por minuto, enquanto o ideal é próximo de 90 ppm (passadas por minuto, com cada perna). Para auxiliar nesse objetivo, escute músicas durante o treino que tenham em torno de 180 bpm (batidas por minuto) e divirta-se fazendo um fartlek ao ritmo das músicas.

 

Pule corda

Exercícios simples, como pular corda, te farão a não aterrissar com os calcanhares, pois os pés tocarão o chão imediatamente embaixo do centro de gravidade do corpo;
Com isso, quanto mais rápido for seu movimento, melhor será a adaptação dos arcos dos pés. Assim eles funcionarão como molas, recebendo o impacto do pouso e devolvendo-o na forma de impulso para sua corrida.

 

Gostou das nossas dicas? Escreva abaixo nos comentários!

Os melhores acessórios para a sua corrida você encontra na loja.ticketrun.com

Confira nossas promoções!

 

TicketRun: o seu ingresso para o mundo das corridas.

Deixe uma resposta